Hoje, dia 19 de junho, é comemorado o Dia do Cinema Brasileiro. Foi na chegada à Baía de Guanabara em 1898 que as primeiras imagens foram registradas por aqui, por Afonso Segreto. Afonso e seu irmão Pachoal ficaram conhecidos como irmãos Segreto e até 1903 foram os únicos a registrarem os principais acontecimentos do país, de festas a eventos cívicos. Neste início, os filmes apresentados não eram muito diferentes do que se via em outros países e os primeiros temas produzidos nessa fase foram: “Procissão do Corpo de Deus”, “Rua Direita”, “Sociedade Paulista de Agricultura”, “Avenida Central da Capital Federal”, “Ascensão ao Pão de Açúcar”, “Bombeiros” e “Chegada do General”.

O Brasil tem grandes produções, muitas obras premiadas e que valem a pena assistir. Que tal aproveitar o friozinho do mês de junho, que convida a um filminho com pipoca, para colocar sua lista de sucessos em dia?

Neste clima de cinema, nossa motivação principal para este artigo foi trazer alguns filmes que mostram e falam sobre a natureza, em especial aqueles que mostram lindos jardins e servem de inspiração para quem ama flores.

Um dos destaques é brasileiro. Filmado em 2010/2011, em locações na Floresta Amazônica, Londres, Rio de Janeiro e São Paulo, o documentário Margaret Mee e a Flor da Lua conta sobre a passagem da ilustradora botânica pelo Brasil e sua paixão pela flora brasileira. Ela viveu no país por 36 anos, realizou 15 expedições à Floresta Amazônica e deixou um importante e valioso legado iconográfico e artístico, consagrando a arte floral. Margaret Mee, que faleceu em 1988, comemorou seus 79 anos à beira do Rio Negro, quando enfim conseguiu retratar a tão procurada Flor da Lua – Strophocactus Wittii – também chamada de Selenicereus Witti. A flor é um cacto nativo da Amazônia, que vive apenas uma noite. Uma espécie rara que floresce na parte mais alta das árvores, e só fica visível entre os meses de maio e junho, época das cheias do Rio Amazonas.

 

Margaret Mee e a Flor da Lua

 

Também trouxemos algumas referências internacionais. Filmes que encantam os apaixonados por flores, jardins, enfim, pela natureza.

 

O Jardim Secreto

O filme de 1993 retrata uma época muito especial de nossas vidas, a juventude e adolescência. O drama gira em torno da história de três crianças que moram em uma grande casa de campo, onde uma delas, Mary, passa a explorar a propriedade e descobre um jardim abandonado. Ela decide restaurar o local e conta com ajuda do filho de um dos empregados da casa. Assim, as crianças desafiam as regras da casa e o velho e abandonado jardim se transforma em um lugar mágico, cheio de flores, surpresas e alegria. Um lugar fantástico onde não existe tristeza ou arrependimento, e onde a força da amizade traz de volta a beleza da vida.

 

 

Cena do filme/O Jardim Secreto

A cor do Paraíso

O filme iraniano de 1999 conta a história comovente de um menino cego, Mohammad, que mora numa escola para deficientes visuais. Nas férias ele volta para seu vilarejo nas montanhas, onde convive com as irmãs e sua adorada avó. Mohammad busca o sentido da vida nas mínimas coisas, como nos sons mais singelos da natureza e na sensibilidade do toque. O jeito simples com que o menino sente o mundo é uma grande lição de vida e uma das grandes mensagens do filme é justamente que a natureza, em sua beleza e harmonia, reflete a perfeição divina.

 

 

Cena do filme/A cor do Paraíso

Uma beleza fantástica

A história fala sobre a vida de uma escritora de livros infantis que precisa buscar inspiração para seu próximo livro. Por causa de sua fobia com plantas ela não entra no seu jardim, que acaba parecendo mais uma floresta abandonada. Como ela tem a responsabilidade de cuidar da propriedade, o que inclui o jardim, a escritora recebe um prazo para restaurar aquela área. O que acontece, especialmente com o jardim, é surpreendente. O filme, de 2016, mostra o quanto somos capazes de realizar quando nos entregamos, especialmente quando unimos amizade a um olhar especial sobre as pequenas belezas da vida.

 

 

Cena do filme/Uma beleza fantástica

E então, conseguimos te inspirar? As flores trazem muito mais cor para nossas vidas. Podemos alegrar o dia de alguém, acalmar o coração de quem amamos ou festejar uma conquista com o colorido das flores!

Inspire-se! Oficina da Terra.